Fernanda

Braga Paulino Ribeiro

Jaqueline

de Medeiros Silva

fer.png
fer 2.png
fer 3.png

Nascida em 1980, filha de um casal paranaense estabelecidos na capital paulista. Aos 12 anos saiu da agitação da cidade grande para vir morar na pequena cidade de Votorantim.

Nessa transição difícil, buscou refúgio nos livros que passaram a ser seus melhores amigos e nos esportes que contribuíram com seu desenvolvimento pessoal.

 

O primeiro emprego

Aos 14 anos decidiu buscar emprego para ajudar seus pais em uma crise financeira, conseguindo uma oportunidade no Mc Donalds, ganhou maturidade assumindo responsabilidades e foi ganhando interesse por cursar uma faculdade.

Seus amores

Conheceu seu grande amor aos 15 anos, um rapaz com apelido curioso: Tucão.

Se beijaram em agosto daquele ano e não pararam mais.

Crescimento profissional

Após terminar o ensino médio decidiu ser universitária no curso de publicidade e propaganda. Deixou o antigo emprego e conseguiu uma oportunidade em um açougue de um supermercado. Em menos de um ano passou de repositora para fiscal de caixa.

Conseguiu um trabalho na operadora de crédito Sorocred, nesse mesmo período percebeu que não estava muito feliz com a faculdade, mas em uma virada de semestre uma disciplina te tirou do chão! Psicologia do consumo.

 

Aos 18 anos resolveu engravidar, estavam felizes e perdidos na mesma proporção. Desistiu da faculdade e do trabalho para cuidar do seu filho Thiago durante 11 meses.

Começou a trabalhar na Unimed como recepcionista, devido a os critérios de promoção da empresa o desejo de retomar a vida acadêmica se intensificou.

Estrategicamente fez uma faculdade de matemática e se formou aos 31 anos para ser promovida e conseguir pagar a faculdade de psicologia.

Desafios da vida

Passou por uma fase de muitos questionamentos ser mãe, esposa, profissional, valores, visões, muitas mudanças internas acontecendo, uma fase  essencial para seu crescimento, um contato sincero consigo mesma.

 

Enfim psicóloga!

Em 2014 com 34 anos finalmente a tão sonhada faculdade de psicologia chegou, mergulhou no curso como poucas vezes na vida, amadureceu, conheceu professores e pessoas incríveis.

Uma dessas pessoas foi a Jaque, como gostam de dizer: “nos completamos, somos uma junção de razão + emoção”.

O primeiro contato com a psicologia

Nascida em 1989 na cidade de Três Rios – RJ, seu contato com a psicologia foi logo aos 4 anos após iniciar a pré-escola foi encaminhada para terapia. Adorava ir ao psicólogo. Já aos 8 anos de idade dizia para a mãe que gostaria de ser psicóloga ou veterinária, esse desejo guiou sua vida profissional.

O primeiro emprego

A os 18 anos iniciou seu primeiro emprego em uma escola de informática e com 19 anos a faculdade de RH, pois na época não tinha condições de pagar a de psicologia. Durante o período da faculdade trabalhou em uma agência de recrutamento e seleção, em uma  transportadora e na recepção de uma empresa japonesa não conseguindo obter experiência na área de gestão de pessoas em nenhum desses empregos.

 

Início de uma grande história profissional

Terminou a faculdade e em 2010 conseguiu um emprego em uma concessionária de carros dando início a um longo caminho profissional. De secretária de vendas para assistente de Departamento Pessoal e por fim analista de RH na área de treinamento e desenvolvimento de pessoas. Uma área que até então não existia na empresa.

Novas oportunidades

Em 2012 a situação financeira apertou, pediu ajuda ao buffet que fez seu casamento e começou a fazer bicos para complementar a renda da família, iniciou na recepção, e seguiu crescendo na empresa. Em certa ocasião ficou responsável por um evento conseguindo uma oportunidade de trabalhar como cerimonialista do buffet.

Após 1 ano abriu sua própria empresa de buffet, tendo sua irmã como sócia atendendo Sorocaba e região.

Início da faculdade de psicologia

Em 2014 iniciou sua tão esperada faculdade de psicologia. Logo no primeiro dia de aula o destino a colocou ao lado da Fernanda, ali nascia uma grande amizade que se estenderia da faculdade para a vida.

Maternidade e faculdade

Em 2017 nasceu sua minha primeira filha a Clara, e um mês depois teve que voltar para a faculdade, Foi um dos momentos mais difíceis da sua vida, optou por continuar a faculdade e deixa a filha com a mãe e o marido.

Decidiu então sair da concessionária e dedicar-se a maternidade, empresa de eventos e a faculdade.

A volta ao mercado de trabalho

Quando sua filha completou 1 ano decidiu voltar para o mercado de trabalho iniciando uma trajetória profissional na área da saúde. Trabalhando em um hospital como analista de gestão de pessoas, teve a oportunidade de colocar muitas coisas em prática. No último semestre da faculdade ,engravidou do segundo filho Theo.

A ideia de montar um negócio

Baseado em toda essa trajetória, teve a ideia de montar uma empresa que levasse a saúde mental para as organizações. Trazendo mais humanização para o setor de RH, foi onde compartilhou esse desejo com sua grande amiga da faculdade de psicologia, Fernanda.

WhatsApp Image 2020-02-06 at 13.06.51.jp

ParalelaMente

A ideia de montar uma empresa que levasse a saúde mental para as organizações, trazendo mais humanização para o setor de RH, surgiu através da trajetória profissional da Jaqueline, onde compartilhou o desejo com sua grande amiga da faculdade de psicologia, Fernanda.

No fim de 2019 decidiram montar um negócio que pudesse levar bem estar pra vida das pessoas e educação emocional no âmbito empresarial, algo inovador e necessário.

E em Abril de 2020, inaugurando a Paralelamente - Pensar e agir com educação emocional no ambiente de trabalho.